19 C
Brasília, BR
sexta-feira, novembro 22, 2019
Início Variedades Entretenimento Maria Ribeiro defende Paulo Betti de acusação de racismo

Maria Ribeiro defende Paulo Betti de acusação de racismo

Maria Ribeiro defende Paulo Betti de acusação de racismo

Maria Ribeiro
Maria Ribeiro saiu em defesa de Paulo Betti após acusações de racismo (Imagem: Divulgação – Globo / Montagem)

Maria Ribeiro saiu em defesa de Paulo Betti sobre as acusações de injúria racial feitas pelos atores Milton Gonçalves e Jorge Coutinho, após um comentário do intérprete de Miguel Nasser em “Órfãos da Terra” em um grupo de atores no WhatsApp.

Em seu perfil no Instagram, ela, que já se relacionou com o veterano por quatro anos (2001-2005), disse não acreditar que o ex-marido tenha tido a atitude pela qual está sendo acusado.

“Quando Paulo Betti e eu nos separamos, 14 anos atrás, pedi, não à toa, para ficar com essa carteirinha. Paulo é um sindicalista por natureza, um cara para quem o ofício e a justiça — ou injustiça — relativos à profissão importam mais do que todas as outras coisas”, iniciou. “Compra todas as causas dos colegas, e agora, decidiu entrar para valer, através da disputa do Sated, no que sempre fez: lutar por seu grupo”, explicou, se referindo ao tema central da discussão, que seria uma votação no Sindicato da categoria.

A atriz continuou: “Eu, ao contrario, mais egoísta, só me dei conta da desunião da nossa classe quando isso bateu em mim — mas isso não importa agora. O que importa é que acordei lendo que Paulo está sendo acusado de racismo porque disse, sobre a disputa de chapa do sindicato dos atores — e num grupo de WhatsApp! — que devemos ficar sensíveis e atentos ao possível uso de lutas fundamentais com o objetivo — velado — de comover e manipular os eleitores, monetizando ideologicamente a questão mais grave do Brasil”.

A famosa ainda reconheceu a discriminação contra pessoas negras no Brasil, mas se dirigiu aos reclamantes alegando que Betti não é um opressor. “Somos um país racista e é nossa obrigação lutar diariamente contra isso. Ao acusar, a meu ver, levianamente, um sujeito integro como Paulo, esses senhores não só não estão lutando por um Brasil melhor, como estão, na melhor das hipóteses, confusos sobre seus reais inimigos”, opinou.

Por fim, a artista mandou um recado diretamente a Paulo Betti. “Paulo, quero te dizer que, na camisa do meu time, tá escrito o teu nome em letras grandes, e eu a exibo com amor e orgulho há 22 anos. Sigamos com força e coragem (e nem vem me pedir de volta a carteirinha… rs)”, finalizou.

Maria Ribeiro e Paulo Betti foram casados até 2005, e colheram como fruto desse relacionamento um filho, João Betti, hoje com 16 anos.

O global enfrenta uma ação na Justiça após dar a entender em um texto que o Sindicato dos Artistas estaria há muito tempo sob gestão de representantes negros. Gonçalves e Coutinho ocupam cargos de presidente e diretor geral da entidade, respectivamente, e disputam com Betti o comando da agremiação.

Fonte: Terra