Detran flagra veículo com 306 multas no Distrito Federal

Fiat Pálio 2000/2001 estava sem licenciamento desde 2002 e com R$ 48 mil em débitos

Divulgação/Detran-DFDIVULGAÇÃO/DETRAN-DF

Por volta das 15h30 de segunda-feira (19/08/2019), durante patrulhamento na Avenida Alagados, em Santa Maria, equipes de fiscalização do Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) abordaram um veículo Fiat Pálio 2000/2001 sem licenciamento desde 2002 e com 306 multas, sendo a maioria delas por excesso de velocidade.

O veículo, que já soma um débito de R$ 48,458, foi recolhido ao depósito e o condutor recebeu mais uma notificação – desta vez, por conduzir veículo não licenciado, considerada infração gravíssima definida no artigo 230, inciso V, que prevê multa de R$ 293,47 e sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH), além da remoção do veículo.

Risco à segurança

Transitar em velocidade superior à máxima permitida para o local, além de ser infração considerada de média a gravíssima – a depender do percentual excedido – prevista no artigo 218, incisos I, II e III, e penalizada com multa que varia de R$ 130,16 a R$ 293,47 e de quatro a sete pontos na CNH, o infrator coloca em risco a própria segurança e a dos outros usuários da via. Por isso, o Detran tem fechado o cerco contra esse tipo de condutor, monitorando veículos que possuem extensa lista de infrações.

Fonte: Metropoles Com informações do Detran-DF.