Cabral dava mesadas de até R$ 100 mil para os pais e ex-mulher, diz delator

nbsp;O delator Carlos Miranda disse que o ex-governador Seacute;rgio Cabral dava mesadas que chegavam a R$ 100 mil a sua ex-mulher Suzana Neves e o mesmo valor a seus proacute;prios pais. O dinheiro era repassado pela empreiteira FW, que prestava serviccedil;os ao estado, propriedade de Fernando Werneck, amigo de longa data de Cabral. Miranda prestou depoimento nesta segunda-feira (18/12) ao juiz Marcelo Bretas, da 7ordf; Vara Federal Criminal.nbsp;Leia as uacute;ltimas notiacute;cias de Poliacute;ticanbsp;ldquo;O combinado era R$ 100 mil [para Suzana Neves].Fonte: Correio Braziliense rss