Advogado entra em garagem de prédio do DF e coloca fogo no carro da ex

Álvaro Antonio, de 56 anos, foi preso após o crime. Ocorrência foi enquadrada como Lei Maria da Penha, dano qualificado e incêndio

Corpo de Bombeiros do DF

RAFAELA FELICCIANO/METRÓPOLES

Um prédio precisou ser evacuado, no Núcleo Bandeirante, na noite dessa quinta-feira (10/9), após um carro pegar fogo na garagem do Bloco B dos Lotes H/I, Área Especial 19 da 3ª Avenida. Segundo informações da Polícia Civil, o advogado Alvaro Antônio de Figueiredo, de 56 anos, entrou clandestinamente no estacionamento do edifício e ateou fogo no Honda Civic da ex-noiva, de 37 anos.

Corpo de Bombeiros foi chamado e atendeu a ocorrência por volta das 19h dessa quinta-feira (10/9). Quando os militares chegaram ao local, encontraram a garagem subterrânea do prédio de uso misto — comércio e residências — tomada por muita fumaça.

Vários automóveis estavam estacionados na garagem, próximos ao carro incendiado, porém somente dois ficaram danificados, um totalmente e o outro somente a lanterna e o pára-choque esquerdo.

Os veículos danificados foram o Honda Civic, de cor cinza (totalmente danificado), e Citroën C3 de cor prata (somente lanterna e pára-choque).

Veja o momento em que o advogado incendia o carro da ex-noiva:

No local da garagem onde o veículo mais danificado estava, o teto também ficou chamuscado e tingido. Depois que os militares providenciaram a remoção da fumaça os moradores foram autorizados a voltar para suas residências. Toda a operação durou cerca de 40 minutos.

Não houve feridos e a perícia do CBMDF foi acionada. A corporação atendeu a ocorrência com três viaturas e 13 militares.

Fonte: Metropoles