Eleições EUA: Trump paga R$ 16 milhões por recontagem parcial em Wisconsin


source
Presidente Donald Trump
Getty Images

Presidente Donald Trump

O presidente dos Estados Unidos , Donald Trump , pagou US$ 3 milhões, o equivalente a 16 milhões de reais, por uma recontagem parcial no estado Wisconsin , mas ainda não deu entrada a uma petição indicando quais condados ele tem como alvo, de acordo com a Comissão Eleitoral de Wisconsin. As informações são da agência de notícias  AFP .

Segundo a equipe de campanha de Trump, a petição será apresentada até o final do prazo, na tarde desta quarta (18). Os Us$ 3 milhões pagos por Trump só serão suficientes para cobrir o custo de US$ 2,8 milhões de uma recontagem nos dois condados mais democratas do estado, Milwaukee e Dane. Segundo a agência, uma recontagem em todo o estado custaria a Trump US$ 7,9 milhões (cerca de R$ 42 milhões).

Nesses dois condados,  Joe Biden  recebeu 577.455 votos. Ele ganhou em todo o estado por 20.608 votos, com base em resultados coletados apresentados pelos condados. Uma vez que formalmente aprovada pelo presidente da comissão eleitoral, a recontagem já pode começar amanhã e, no mais tardar, no sábado, precisando ser concluída até 1º de dezembro.

Histórico

Historicamente, as recontagens em Wisconsin e em todo o país resultaram em pouquíssimas mudanças na votação. Em 2016, uma recontagem, também em Wisconsin, rendeu a Trump 131 votos adicionais. Naquele ano, o presidente norta-americano ganhou em Wisconsin por menos de 23 mil votos e se opôs à recontagem trazida pela candidata do Partido Verde, Jill Stein.

O processo está sendo levantado por Donald Trump, já que ele e outros republicanos alegam fraude e irregularidades nas eleições de Wisconsin , sem nenhuma evidência. De acordo com o principal chefe eleitoral do estado e com as autoridades locais, não houve relatos substanciais de problemas ou irregularidades.

Fonte: IG Mundo