Com coronavírus, cesta básica aumenta em 16 capitais. DF tem queda

O levantamento do Departamento Intersindical de Estatística e Estudo Socioeconômicos (Dieese) foi feito em março e abril

O valor da cesta básica cresceu em 16 capitais das 17 analisadas, entre março e abril, segundo levantamento do Departamento Intersindical de Estatística e Estudo Socioeconômicos (Dieese).

Somente Brasília registrou queda nos preços que fazem parte da lista de alimentos básicos. A baixa na capital do país foi de 2,68%, custando R$ 471,17.

Em Curitiba (PR), a variação mensal da cesta básica foi de 9,8% no mês passado. Em São Paulo (SP), capital que já tem o maior valor dos alimentos básicos, houve crescimento de 7,28%.

feijão apresentou alta em todas as capitais pesquisadas. O produto tem sido vendido por maior valor nos supermercados das capitais pesquisadas.

O leite teve elevação em 15 cidades. O óleo de soja, que já mostrava trajetória de alta, registrou preço médio maior em 14 cidades, com destaque para Recife (6,37%).

Postagem: http://egnews.com.br

Fonte: Metropoles

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here