Caixa paga nesta 3ª auxílio de R$ 600 a quem é do Bolsa Família. Confira

Cerca de 1,9 milhão de pessoas com Nis final igual a 2 recebem o auxílio emergencial nesta terça-feira (21/7)

O benefício emergencial prevê a suspensão do contrato de trabalho por até dois meses e a redução de jornada por até três mesesDANIEL FERREIRA/METRÓPOLES

Mais 1,9 milhão de beneficiários do programa Bolsa Família recebem nesta terça-feira (21/7) a quarta parcela do auxílio emergencial de R$ 600.

Agora, recebem as pessoas que têm o final do NIS igual a 2. No total, 19,2 milhões de beneficiários do Bolsa Família ganharão o auxílio nos próximos dias.

O pagamento desse lote se encerra no próximo dia 31 de julho. Mães adolescentes do Bolsa Família que foram aprovadas para receber o auxílio também entram nesse cronograma.

Confira o calendário:
  • Segunda-feira (20/7): final do Nis igual a 1
  • Terça-feira (21/7): final do NIS igual a 2
  • Quarta-feira (22/7): final do NIS igual a 3
  • Quinta-feira (23/7): final do NIS igual a 4
  • Sexta-feira (24/7): final do NIS igual a 5
  • Segunda-feira (27/7): final do NIS igual a 6
  • Terça-feira (28/7): final do NIS igual a 7
  • Quarta-feira (29/7): final do NIS igual a 8
  • Quinta-feira (30/7): final do NIS igual a 9
  • Sexta-feira (31/7): final do NIS igual a 0

O pagamento do auxílio emergencial é feito da mesma forma que o benefício regular.

A quinta parcela – que pode ser a última – do auxílio emergencial, por sua vez, começa a ser paga em 18 de agosto para beneficiários do Bolsa Família.

A Caixa inicia nesta quarta-feira (22/7) o pagamento do auxílio emergencial de R$ 600 para todos os beneficiários, independentemente do lote, que não são do Bolsa Família.

Agora, o crédito será feito em ciclos. Logo, o dinheiro será depositado a todos os lotes de aprovados, de acordo com o mês de nascimento, em um mesmo período (ciclo).

No total, são quatro etapas. No primeiro ciclo, recebem 46 milhões de beneficiários. Nesta quarta-feira (22/07), o auxílio é pago a 3,8 milhões de brasileiros nascidos em janeiro. Entenda como funcionam os ciclos de pagamento.

Esse ciclo inclui: 1) beneficiários que receberam a primeira parcela em abril; 2) em maio; 3) em junho ou até 4 de julho e; 4) cadastrados entre 17 de junho e 2 de julho deste ano.

Assim como tem sido nos pagamento anteriores, o dinheiro será depositado em um primeiro momento na conta Poupança Social Digital, onde é possível realizar apenas pagamentos digitais.

As opções de saques e transferências serão liberadas a partir do próximo sábado (25/7) aos trabalhadores nascidos em janeiro. Veja como ficou os calendários do primeiro ciclo:

Balanço

Dados atualizados nessa sexta-feira (17/7) mostram que mais de 65,2 milhões de pessoas receberam o auxílio emergencial. Foram creditados mais de R$ 121 bilhões, segundo a Caixa Econômica Federal, divididos em cerca de 173,5 milhões de pagamentos.

Fonte: Metropoles 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here