DF registra 9 mortes por coronavírus e bate recorde de óbitos em um dia

A capital do país tem um total de 98 vítimas da Covid-19. Se somados os seis casos de moradores do Entorno do DF, o dado chega a 104

Fonte: Metrópoles – Por: Isadora Teixeira

GDF vai destinar R$ 35 milhões para contratar leitos de UTIFOTO: DIVULGAÇÃO GDF

 

ODistrito Federal registrou o recorde de mortes por coronavírus em um dia com nove vítimas neste domingo (24/05). Dois óbitos foram contabilizados às 12h e mais sete foram confirmadas às 18h. Os dados constam no Painel Covid-19 do Governo do Distrito Federal (GDF).

Com os novos casos, a capital do país tem um total de 98 mortes provocadas pelo novo coronavírus. O número chega a 104 se somadas as seis ocorrências de moradores do Entorno do DF que foram internados e faleceram em unidades brasilienses.

Uma das novas vítimas do novo coronavírus no DF é um morador de 67 anos de Sobradinho. O homem deu entrada no Hospital Regional da Asa Norte (Hran) no dia 13 de maio e morreu nessa sexta-feira (22/05). O paciente tinha comorbidades (diabetes, pneumopatia e hipertensão arterial sistêmica), segundo a Secretaria de Saúde do DF.

Outra pessoa que perdeu a vida para a doença é um residente de Ceilândia de 67 anos. Ele foi internado no Hospital Santa Marta em 13 de maio e faleceu nesse sábado (23/05). O homem sofria de outras doenças (diabetes e hipertensão arterial sistêmica).

Uma mulher de 35 anos foi outra vítima da Covid-19 no DF. A moradora de Ceilândia morreu nessa sexta-feira, mesmo dia no qual deu entrada no Hospital Regional de Taguatinga (HRT). Ela sofria de câncer.

Nos últimos óbitos contabilizados pelo governo local, o Guará perdeu dois residentes para a doença. Uma mulher de 45 anos foi internada no Hospital Brasília no dia 15 de maio e morreu neste domingo (24/05). Ela tinha comorbidades (pneumopatia, cardiovascular, diabetes, imunossupressão).

A outra moradora do Guará que não resistiu às complicações provocadas pela Covid-19 é uma mulher de 74 anos. A idosa foi levada ao Hran em 19 de maio e faleceu neste domingo. Ela era portadora de mal de Parkinson.

O Plano Piloto também registrou duas mortes. Uma mulher de 67 anos, sem comorbidades, deu entrada no Hospital Brasília no dia 13 de maio e morreu nessa sexta-feira. Um homem de 70 anos que sofria de hipertensão arterial sistêmica morreu neste domingo. Ele foi internado no Hospital Brasília e depois acabou transferido para o Hran.

O último óbito computado neste domingo pelo governo local é o de um homem de 66 anos que morava em Samambaia. Ele procurou o HRSM em 4 de maio e morreu neste domingo. O paciente tinha comorbidades (diabetes, hipertensão arterial sistêmica, obesidade).

O maior número de óbitos por Covid-19 registrado antes em território brasiliense foi seis, nessa terça-feira (19/05). Na ocasião, o DF tinha 68 vítimas da doença.

Infectados

A capital do país tem um total de 6.638 infectados pela Covid-19. São 360 casos a mais em relação ao balanço divulgado às 12h.

Dos contaminados, 3.422 (51,55%) se recuperaram da doença. A Secretaria de Saúde considera como recuperados aqueles pacientes que tiveram os primeiros sintomas há mais de 14 dias e não estão hospitalizados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here