Povo Brasileiro de bem esta em LUTO

Nenhuma descrição de foto disponível.

Por: Eugênio Piedade

Diante do resultado de ontem proferido pelo STF, me pego a pensar, será melhor ser um brasileiro honrado e correto ou um “brasileiro” corrupto e ladrão, pelo que demostrou a turma do STF ontem, sem sombra de dúvida será a segunda opção.

Parabéns Ministros: Cármen Lúcia, Luiz Fux, Luís Roberto Barroso, Alexandre de Moraes e Edson Fachin

Vergonha: Dias Toffoli, Gilmar Mendes, Celso de Mello, Ricardo Lewandowski, Rosa Weber e Marco Aurélio de Mello

Enquanto um trabalhador honesto luta para ganhar o sustento de sua família por um misero salário de R$ 998,00, o brasileiro honesto que acha uma carteira de dinheiro na rua com alguns reais vai a rede social procurar seu dono para entrega-lo e sem tirar um centavo sequer outros “brasileiros” sem escrúpulos que roubam os cofres públicos, roubam a merenda escolar, roubam o saneamento básico da população que mora na extrema pobreza, cuecas e malas cheias de dinheiro, tri-plex, sitio, fazendas, contas na Suíça, roubam etc, etc, etc….Outros que de uma hora pra outra viram milionários, antes, catadores de bosta de elefante e num piscar de olhos transformam-se em  grandes empresários, donos de frigoríficos e redes de TV, tudo isso com dinheiro ilícito e nada acontece com esses “brasileiros”, agora deixa um assalariado fazer a mesma façanha para ver se não é encarcerado e sem regalias.

Vejo uma ideologia tapada e corrupta não querendo largar o poder, pessoas humildes totalmente manipuladas e pessoas com grau de conhecimento alto, seguirem na mesma linha, todos comprados com migalhas, enquanto poucos fazendo fortunas, emfim, nenhuma olhando para o bem do seu país mas para seu próprio umbigo.

Difícil entender a justiça neste nosso grande e rico Brasil, tenho fé em Deus que esse tormento logo passará, temos pessoas que estão fazendo de tudo para que o nosso país dê certo.

“BRASIL ACIMA DE TUDO E DEUS ACIMA DE TODOS” 

Resultado de imagem para bandeira do brasil

Vejam alguns comentários que li no facebook e me fizeram escrever este texto:

– Não consigo conceber a ideia de que para soltar um condenado específico, obviamente por natureza ideológica, coloquemos em risco a nossa sociedade.
Tenho amigos de direita e de esquerda, de extremos e de paz e amor, e lhes pergunto: estou errado em achar essa decisão um absurdo? Em considerar que assassinos, estupradores, traficantes, chefes de quadrilha, agressores de mulheres, de negros e da comunidade LGBTIQ, psicopatas, e demais bandidos condenados por um juiz e depois por uma turma de juízes fiquem livres?
NÃO!!!!
Estou certo. Mas como disse em posts anteriores, a paixão cega o óbvio e embebeda a razão.
Mateus Lolas
 

O Supremo de costas para o povo brasileiro

– O Ativista (Partido) político em construção defende à manutenção normativa e jurídica que garante à prisão em segunda instância. Desde que, evidentemente, todo e qualquer cidadão tenha o pleno e irrestrito direito à ampla defesa, direito a um advogado e meios de se defender.

Durante anos o Brasil foi essa terra de impunidade. Durante anos, atônitos e indignados, nós brasileiros assistimos o uso do poder econômico e intermináveis recursos na Justiça para manter fora da prisão gente que roubou milhões e bilhões de dinheiro público; dinheiro, portanto, de todos nós. Do nosso povo.

Gente, claro, poderosa e rica, que conseguia protelar condenações até a total prescrição da pena.

Ontem, por maioria, o STF, que tem o papel constitucional de ser o guardião da Constituição Federal ignorou a soberana vontade da população. Sua sede de Justiça. Seu grito cívico pelo fim da impunidade. O trabalho sacrificial e corajoso da Polícia Federal, do Ministério Público, de Juízes e Promotores e da Operação Lava Jato no combate à corrupção. Do juiz Sérgio Moro, que destemidamente e dentro da lei condenou corruptos e corruptores.

Ontem, por conta dessa decisão exdrúxula do STF, infelizmente, o Brasil retrocedeu no combate à corrupção e impunidade. O STF se apequenou. Virou uma instituição vilã e guardiã da salvaguarda de criminosos e corruptos.

A prisão em segunda é nossa esperança para pôr fim à escalada de corrupção e impunidade. É e será. Não era. Nós, o povo brasileiro continuaremos a lutar pelo certo e o justo. Ontem, infelizmente, uma batalha foi perdida, mas não a guerra do Bom Combate para tornar o Brasil um país onde ninguém esteja acima da lei. Ninguém. E se não quiser ser preso que não roube nossa Nação através de atos de corrupção e outros meios ilícitos. O Ativista junta-se às milhares de vozes contra essa Decisão, e não se calará. Todos por todos!

David Costa Fundador e Presidente Nacional do Ativista.

– Mais uma vez prevalece a lei do mais forte, do poder do dinheiro e da falta de escrúpulos de uma minoria massacrante chamada, classe política, dói e dói muito ver o domínio dessa massa nojenta, desse monte de estrume, porém não é desabafando em redes sociais que venceremos esse desafio, somos milhões de brasileiros sendo torturados a 519 anos e não tomamos atitudes de gente. O poder emana do povo.. ACORDA BRASIL,vamos pra rua fazer prevalecer a nossa vontade!!!!

Francisco do Itapoã

– Muito cuidado ao sair nas ruas nos próximos dias, o STF acaba de liberar milhares de presos, ladrões, corruptos, políticos, narcotraficantes, estupradores, delinquentes e tudo que há de mais ruim na sociedade, e o mais estranho é que tem uma parte da sociedade que está feliz, tem um ditado que diz que a fruta não cai muito longe da árvore, mas ela sempre cai, a única coisa boa nisso tudo é que o STF acaba de dar força à sociedade de bem, se já nos envergonha vamos dos nossos representantes hoje a vergonha é maior, um novo Brasil nasce no dia de hoje, se a esquerda pensa que venceu hoje ela está enganada, uma nova geração sempre sucede a anterior, não se esqueçam disso.

Delcides Avelino

Fonte: http://egnews.com.br