Hoje dia 20 é comemorado o Dia da Consciência Negra você sabia?

Dia da Consciência Negra

O Brasil é Negro
O dia da consciência negra surgiu para lembrar o quanto os negros sofreram, desde a colonização do Brasil, suas lutas, suas conquistas. Mas também serve para homenagear aqueles que lutaram pelos direitos da raça e seus principais feitos.

O dia 20 de Novembro foi escolhido como uma homenagem a Zumbi dos Palmares, data na qual morreu, lutando pela liberdade do seu povo no Brasil, em 1695. Zumbi, l�der do Quilombo dos Palmares, foi um personagem que dedicou a sua vida lutando contra a escravatura no período do Brasil Colonial, onde os escravos começaram a ser introduzidos por volta de 1594. Um quilombo é uma região que tinha como função lutar contra as doutrinas escravistas e também de conservar elementos da cultura africana no Brasil.

Resultado de imagem para nelson mandela

“Ninguém nasce odiando outra pessoa pela cor de sua pele, por sua origem ou ainda por sua religião. Para odiar, as pessoas precisam aprender e, se podem aprender a odiar, podem ser ensinadas a amar.”
Nelson Mandela

A imagem pode conter: 1 pessoa, texto

 

“Que se comemore o amor, a união,a tolerância e acima de tudo a presença de Deus sobre todos os homens.
Que seja hoje o dia do amor e não da cor da pele”.
Socorro Assis
Analista política e em políticas públicas 

 

 

“Infelizmente a sociedade ainda não se libertou por completo do pensamento que trouxe do período colonial em que se colocou em situação de superioridade em função da cor da pele. Causar constrangimento àqueles que vieram de modo forçado e contra a sua vontade trabalhar para o desenvolvimento nosso lindo Brasil não o faz superior e sim um ignorante quanto a razão de sua existência. Quando temos ainda uma sociedade doentia que não aceita a criatividade do criador, que criou seres humanos de diversas cores da pele, foi para nos tornar mais fortes e capazes de suportar a curta viagem pelo trem da vida e nos dá a possibilidade de evoluirmos visando alcançar um plano superior melhor. É válido o dia da “Consciência Negra”. “Evoluir por evoluirmos” Josivan Barbosa, Gestor público com especialização em gerenciamento de projetos.

 

A criação desta data foi importante, pois serve como um momento de conscientização e reflexão sobre a importância da cultura e do povo africano na formação da cultura nacional. Os negros africanos colaboraram muito, durante nossa história, nos aspectos políticos, sociais, gastronômicos e religiosos de nosso país. É um dia que devemos comemorar nas escolas, nos espaços culturais e em outros locais, valorizando a cultura afro-brasileira.

A abolição da escravatura, de forma oficial, só veio em 1888. Porém, os negros sempre resistiram e lutaram contra a opressão e as injustiças advindas da escravidão.

Vale dizer também que sempre ocorreu uma valorização dos personagens históricos de cor branca. Como se a história do Brasil tivesse sido construída somente pelos europeus e seus descendentes. Imperadores, navegadores, bandeirantes, líderes militares entre outros foram sempre considerados heróis nacionais.
Agora temos a valorização de um líder negro em nossa história e, esperamos que em breve outros personagens históricos de origem africana sejam valorizados por nosso povo e por nossa história.
Passos importante está sendo tomados neste sentido, pois nas escolas brasileiras já é obrigatória à inclusão de disciplinas e conteúdos que visam estudar a história da África e a cultura afro-brasileira.
Convido você nesta data a vestir minha negritude
Você conseguirá?
Seja Preto ou Preta por um dia
Eu sou igual a você,um ser humano com corpo ,mente , coração, Banzo.
Vestidinho se de minha negritude e toda minha ancestralidade agora questione se há Racismo e discriminação
Só mais um pouquinho vista minha pele.
Vista se epidermicame de mim .
E procure viver toda minha ancestralidade e sinta tudo que dentro de mim se passa .
Assim você vai realmente sentir a importância dessa data.
E depois que se despedir da minha negritude entenda que não quero brigas mais quero lutar por toda uma hereditariedade.
A minha cor representa minha luta ,mais acima de tudo minhas vitórias
Sou Preta sim e daí” Jacilene Monte, Psicanalista, Psicopedagoga e Subsecretária de Valorização às Religiões de Matriz Afro Descendente no Brasil do CDDF

Fonte: http://egnews.com.br