Filho diz que Flordelis tinha taco de beisebol “para bater”

Lucas dos Santos afirmou que parlamentar usava o item para corrigir os filhos
Flordelis voltou a ser acusada de participar da morte de Anderson do Carmo Foto: Reprodução

Lucas dos Santos, filho adotivo da deputada federal Flordelis, disse durante depoimento para a Polícia Civil que a parlamentar possuía um taco de beisebol em casa para “bater nos outros”.

Ao falar sobre o assunto, o réu pela morte do pastor Anderson do Carmo disse que Lorrane, uma das netas da parlamentar, fazia fofocas para “os outros apanharem”.

Leia também1 “Meu amor segue vivo”, diz Flordelis a Anderson do Carmo
2 Flordelis faz culto dedicado ao pastor Anderson do Carmo
3 Morte do pastor Anderson do Carmo completa 1 ano
4 Exclusivo: Flordelis desabafa 1 ano após morte do marido
5 Misael diz que morte do pastor Anderson foi por “ambição”

– Fofoqueira. Ela (Lorrane) e a mãe dela (Simone). Gostam de fazer fofoca dos outros pros outros apanharem. Tinha um taco de beisebol para minha mãe bater nos outros. Não sei se tem ainda. Só elas (Lorrane e Simone) que podiam sair, ir pra festa. Ninguém mais saía. E eu saía mesmo, ia pra festa, pro baile. Elas sabiam e falavam para a minha mãe – disse Lucas.

O depoimento foi solicitado para que Lucas esclarecesse a existência de uma carta escrita por ele, ainda no passado, onde assumia a autoria do assassinato do pastor Anderson e livrava o irmão, Flávio dos Santos. Na ocasião, Lucas esclareceu que não escreveu a correspondência e que o texto foi escrito pela própria deputada.

– O objetivo deles era ajudar o Flávio. No meu ponto de vista, se tirasse o Flávio da jogada tirava a mãe dele. Aí iam querer me botar. Porque sabiam que eu não tinha ligação nenhuma com eles, que eu não morava mais lá (na casa da família) – declarou.

Questionado se acreditava na participação de outras pessoas no planejamento do crime, Lucas respondeu positivamente e citou que acredita que Flordelis está envolvida com o fato.

– Pra mim tem mais gente no meio, a família dela ali. A Simone fica na farra, a Lorrane. Pra mim tá tudo no meio. Até minha mãe mesmo tá no meio. Porque na época da Marzy, da Rayane, quando eu fui falar pra ela, ela sabia. Ela me mostrou a mensagem da Rayane no telefone dela – apontou.

Em depoimentos anteriores, Lucas relatou ter recebido propostas de Marzy e Rayane para matar o pastor Anderson, com o conhecimento de Flordelis, mas afirmou que recusou ambas. Marzy é irmã de Lucas, filha afetiva de Flordelis, e Rayane, neta.

Procurado, o advogado de Flordelis, Anderson Rollemberg, afirmou que o processo respondido por Lucas e Flávio está em segredo de Justiça e que, por isso, não pode fazer comentários sobre as acusações feitas por Lucas.

Postagem: http://egnews.com.br

Fonte: Pleno.News

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here