Amazon oferece computação quântica como um serviço

Amazon Braket permitirá que cientistas, pesquisadores e desenvolvedores comecem a experimentar com esta tecnologia e tenham acesso a computadores quânticos de vários fornecedores

computador quântico

A Amazon está anunciando um serviço de computação quântica chamado “Amazon Braket”, que permitirá que cientistas, pesquisadores e desenvolvedores comecem a experimentar com esta tecnologia, tendo acesso a computadores de vários fornecedores de hardware quântico em um único local.

O nome vem da notação Bra-Ket, usada para expressar circuitos quânticos. Segundo a Amazon o serviço permitirá que clientes construam e testem circuitos quânticos, usando um ambiente web com código escrito na linguagem Python, e depois executem seus programas em um computador quântico real.

O Amazon Braket fornece acesso a computadores quânticos da D-Wave, IonQ e Rigetti. Segundo a empresa estes dispositivos têm algumas coisas em comum: são uma tecnologia de ponta, são caros para montar e operar e geralmente trabalham em um ambiente muito extremo e especializado (super-resfriados ou quase no vácuo) que deve ser mantido livre de interferência elétrica, térmica e magnética.

De acordo com Jeff Barr, evangelista chefe do Amazon Web Services (AWS), esse conjunto de características significa que a maioria das organizações nunca terá seu próprio computador quântico, e que o modelo sob demanda, baseado na nuvem será visto como o mais adequado para seus negócios.

Além do Braket a Amazon também está anunciando a formação do AWS Center for Quantum Computing. Localizado ao lado do campus do Instituto de Tecnologia da Califórnia (Caltech), seu objetivo é reunir “os melhores talentos do mundo” para acelerar o desenvolvimento da computação quântica.

Lá a empresa pretende pesquisar técnicas que possam um dia permitir que computadores quânticos sejam produzidos em massa, além de identificar os usos mais adequados para esta tecnologia.

Postagem: http://egnews.com.br

Fonte: Amazon AWS Blog