Alberto Fraga sobre Cid Gomes: “Quer aparecer para ser candidato”

O coronel da reserva da PMDF e ex-deputado federal criticou a atitude do senador, que tentou furar bloqueio de PMs com uma retroescavadeira

ReproduçãoREPRODUÇÃO

Coronel da reserva da Polícia Militar do DF (PMDF) e presidente do DEM-DF, Alberto Fraga criticou a atitude do senador licenciado Cid Gomes (PDT-CE), baleado nessa quarta-feira (19/02/2020).

“Esse cara quer aparecer para ser candidato à prefeitura, aguardem!”, disparou o ex-deputado federal. “A greve é proibida para os PMs, mas o respeito não!”, frisou.

O ex-governador do Ceará foi atingido na região do tórax por dois tiros que teriam sido disparados por policias militares em Sobral (CE), quando o pedetista tentava ultrapassar, com retroescavadeira, bloqueio de PMs que faziam ato por aumento salarial.

O atual prefeito de Sobral é Ivo Gomes (PDT), irmão do senador licenciado.

Cid recebeu alta da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e foi transferido para a enfermaria nesta quinta-feira. Em boletim médico divulgado de manhã, o Hospital do Coração de Sobral informou que Cid “evoluiu sem intercorrência nas últimas horas, mantendo-se hemodinamicamente estável e com padrão respiratório normal”.

Veja a publicação de Alberto Fraga:

Alberto Fraga

@alberto_fraga

Não conheço no histórico de qualquer greve, que alguém pegasse uma retro escavadeira e partisse para cima dos grevistas. Esse cara quer aparecer para ser candidato à prefeitura, aguardem! A greve é proibida para os PMs, mas o respeito não!

Veja outros Tweets de Alberto Fraga

Já em vídeo publicado nas redes sociais na manhã desta quinta, Cid disse que cuidados médicos extraordinários salvaram sua vida. “Quero agradecer a toda equipe do Hospital do Coração de Sobral, que não deixa nada a dever a nenhum hospital do mundo”, declarou.

Confira a postagem de Cid Gomes:

Fonte: Metropoles