À frente de Novo Gama, Sônia Chaves consolida papel da mulher no cenário político

No ranking de representatividade feminina no governo, o Brasil ocupa apenas a posição 149 em um total de 188 países

Foto: Reprodução

Mesmo com tantas dificuldades para as mulheres na política, Sônia tem se destacado dia após dia. Novo Gama é representando por Sônia Chaves, uma mulher guerreira, batalhadora e que não se desanima diante das dificuldades, pelo contrário a prefeita usa tudo isso, como um incentivo para desempenhar um bom trabalho.

O Brasil possui um dos governos com menor participação de mulheres no mundo. A conclusão é do Mapa Mulheres na Política 2019, um relatório da Organização das Nações Unidas (ONU) e da União Interparlamentar. No ranking de representatividade feminina no governo, o Brasil ocupa apenas a posição 149 em um total de 188 países.

Ter Sônia Chaves, à frente da cidade de Novo Gama, é uma vitória alcançada não apenas por ela, mas sim para todas as mulheres que lutam para estar na política. Sônia é referência, e em um cenário ocupado majoritariamente por homens, ela é destaque e bastante elogiada por seu trabalho.

Quando chegou a Novo Gama a cidade passava por um momento complicado, faltava segurança, as ruas precisavam ser asfaltadas, a rodoviária da cidade estava em péssimas condições, mas Sônia resolveu todas essas questões.

Quem acompanha o desenvolvimento da cidade sabe que o trabalho ainda não terminou, e o que se especula no cenário político da região é que Sônia Chaves é a melhor escolha para que a cidade chegue a um novo patamar.

Com um slogan “O trabalho é a nossa marca”, Sônia tem mostrado que leva esta frase ao pé da letra e sem dúvida é reconhecida pelo brilhante trabalho que tem feito à frete do município.

Postagem: http://egnews.com.br

Fonte: Jornal Opção