19.7 C
Brasília, BR
quinta-feira, setembro 24, 2020

Web se manifesta contra atleta que criticou Bolsonaro

Internautas levantaram a tag #foracarolsolberg e cobraram postura do Banco do Brasil

Com o risco de ser suspensa pela Confederação Brasileira de Voleibol, por se manifestar contra o presidente Jair Bolsonaro após conquistar o bronze na primeira etapa do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia, a atleta Carol Solberg também virou alvo de apoiadores do governo nas redes sociais.

Na manhã desta segunda-feira (21), a tag #foracarolsolberg ficou entre os assuntos mais comentados do Twitter. Usuários ainda exigiram uma retratação do Banco do Brasil, que é patrocinador da modalidade.

Em meio à polêmica, internautas resgataram um antigo vídeo gravado pela ex-jogadora e treinadora de vôlei, Maria Isabel Barroso Salgado Alencar, que vem a ser mãe de Carol Solberg. Nas imagens, Isabel afirma que “votou a favor da democracia e pela liberdade, votou 13, votou Haddad”.

Leia também1 CBV promete ‘providências’ após atleta gritar “fora, Bolsonaro”
2 Covid-19: Diego e mais 5 atletas do Flamengo testam positivo
3 Crivella quer 20 mil pessoas no Maracanã no jogo do Flamengo
4 Tite apresenta elenco para as Eliminatórias da Copa de 2022
5 Desistência! Thiago Neves cobra R$ 20 milhões do Atlético-MG

Postagem: http://egnews.com.br

Fonte: Pleno.News

Senac-DF oferece mais de 1,6 mil vagas em cursos gratuitos

O Senac-DF está com inscrições abertas, até 6 de outubro, para cursos gratuitos de qualificação profissional por meio do Programa Senac de Gratuidade (PSG). Serão ofertadas 1.639 vagas em 45 cursos técnicos e de formação inicial e continuada que serão realizados nas unidades de Taguatinga, Sobradinho, Jessé Freire (SCS), Plano Piloto (903 Sul), Gama, Ceilândia, Ações Móveis e TTH (SCS). As inscrições devem ser feitas no site da instituição (df.senac.br/psg/#/consulta-de-vagas) até a data limite ou preenchimento das vagas ofertadas e do cadastro reserva. Cada candidato poderá se matricular em até dois cursos, desde que sejam realizados em turnos diferentes.

Fonte: http://egnews.com.br

Uma convocação, muitos desfalques: como a Seleção afetará 3 times do Brasil

Palmeiras, Flamengo e Athletico-PR tiveram jogadores chamados pelo técnico Tite para defender o Brasil nas Eliminatórias da Copa 2022

Tite convoca Seleção Brasileira

LUCAS FIGUEIREDO/CBF

O calendário do futebol brasileiro costuma ser cruel com os próprios clubes e a pandemia do novo coronavírus irá aumentar a dose de maldade. Isso porque competições se acumularam e as datas Fifas irão provocar ainda mais desfalques. A convocação da Seleção Brasileira feita na última sexta-feira (18/9) afetará diretamente três times durante três rodadas do Brasileirão: Palmeiras, Flamengo e Athletico-PR.

Desta forma, os técnicos terão de encontrar soluções dentro do elenco para suprir as ausências de Rodrigo Caio e Everton Ribeiro, no Flamengo; Weverton e Gabriel Menino, no Palmeiras, e Santos, no Athletico-PR. Em meio aos duelos estão, inclusive, clássicos regionais, como Vasco x Flamengo e Palmeiras x São Paulo.

O que há no elenco à disposição

Palmeiras
O técnico Vanderlei Luxemburgo pagará um preço alto pode ter encontrado a solução para o próprio time. O bom desempenho de Gabriel Menino deslocado para a lateral-direita chamou a atenção de Tite, que o convocou. Desta forma, Vanderlei terá que recorrer aos laterais de ofício – Myke e Marcos Rocha – para ocupar o setor. No gol, Weverton tem sido convocado constantemente e Jailson é o substituto natural.

O time carioca terá que ceder os jogadores Rodrigo Caio e Everton Ribeiro. Na defesa, os reforços contratados em 2020 – Léo Pereira e Gustavo Henrique – irão disputar uma vaga. Já no meio-campo, é provável que Domènec Torrent tenha que mudar o estilo de jogo. Isso porque, além de não contar com Everton Ribeiro, ele perderá ainda o uruguaio Arrascaeta. Como não dispõe de outros jogadores com a mesma característica, a tendência é que escale um dos rápidos pontas que tem: Michael, Pedro Rocha ou Vitinho.

Athletico-PR

Convocado por Tite em outras ocasiões, o goleiro Santos voltará a desfalcar o Athletico-PR, embora tenha pouca chance de ser aproveitado na Seleção. Jandrei, ex-Chapecoense, será o substituto do goleiro, o que já ocorreu em quatro oportunidades neste ano.

14ª rodada (dias 7 e 8/10)

Flamengo x Sport
Botafogo x Palmeiras
Athletico-PR x Ceará

15ª rodada (dias 10 e 11/10)

Vasco x Flamengo
Palmeiras x São Paulo
Internacional x Athletico-PR

16ª rodada (dias 14 e 15/10)

Flamengo x Bragantino
Palmeiras x Coritiba
Athletico-PR x Corinthians

*A CBF ainda não divulgou a data de apresentação na Granja Comary. A programação será decisiva para aumentar ou diminuir os jogos que irão desfalcar os times brasileiros.

Fonte:  Metropoles

Agências do trabalhador abrem maior oferta de vagas de 2020

As 480 oportunidades de emprego são reflexo da retomada da economia do DF. Pelo segundo dia seguido oferta bate recorde

ALLINE MARTINS, DA AGÊNCIA BRASÍLIA | EDIÇÃO: RENATA LU

Pelos segundo dia consecutivo a quantidade de vagas de emprego oferecida pelas agências do trabalhador do Distrito Federa bateu o recorde deste ano. O número é reflexo da retomada da economia na capital, resultado dos incentivos fiscais e da quantidade de obras do GDF realizadas por toda a cidade.

“O aquecimento no mercado de trabalho é o maior sinal de recuperação da economia. Todo esse projeto de incentivo, como os financiamentos junto ao BRB, o microfinanciamento da própria Secretaria de Trabalho – Prospera, a regularização fundiária para empresas nas áreas de desenvolvimento econômico, tudo isso tem ajudado”, elenca o secretário de Trabalho, Thales Mendes Ferreira.

Além dos empregos ofertados nas agências do trabalhador, os investimentos citados pelo secretário, como os R$ 300 milhões em obras e os quase R$ 100 milhões nas áreas de desenvolvimento econômico, a expectativa é de que mais de 20 mil empregos sejam gerados até o fim deste ano.

Oportunidades

 De acordo com o secretário de Trabalho, a maior procura nas agências do trabalhador nos últimos dias tem sido por profissionais dos segmentos da construção civil e de serviços.

Para essa quinta-feira (17), a área de construção civil está com 69 vagas, distribuídas entre tratorista operador de roçadeira, pintor, auxiliar de pedreiro, pedreiro, serralheiro e duas para ajudante, soldador, marceneiro e para polidor de mármore e granito.

“Nós temos equipes que vão até pequenas empresas, oferecer nosso serviço de recursos humanos. Com a retomada da economia, muitas empresas querem contratar, mas têm dificuldade. Então, nós temos um banco e disponibilizamos essas vagas”, explica Thales.

Prova de que isso tem dado certo é a quantidade de vagas para o setor de serviços. Mais de 200 oferecidas para essa quinta-feira (17), contemplando profissões como churrasqueiro, garçons, vendedores e cozinheiros.

As agências encaminham para as empresas três candidatos por vaga ofertada, para dar a possibilidade de escolha à empresa, de acordo com o perfil desejado. “Em âmbito nacional, nós somos o estado com maior inserção efetiva de pessoas que procuram emprego nas agências do trabalhador”, destaca Thales Mendes.

Quadro

No dia em que as agências batem recorde de procura por profissionais, o cargo de açougueiro é o que oferece o maior número de vagas. São 53, com salários que variam entre R$ 1.119 e R$ 1,7 mil, mais benefícios. Em seguida, auxiliar técnico eletrônico, com 50 vagas e remuneração de R$ 1.060 mensais.

Aliás, a área de tecnologia está com números altos em oferta de vagas. Quarenta delas para instalador de equipamentos de comunicação e a mesma quantidade para instalador de sistemas eletrônicos de segurança. Para técnicos eletrônicos em manutenção industrial são 35 oportunidades e, para técnicos em automação industrial, 30. Aos que trabalham com manutenção de elevadores são 10 vagas. Ainda há seis voltadas para profissionais com nível superior em Tecnologia da Informação, para atuar como consultor de sistemas.

Os interessados em concorrer a qualquer uma dessas vagas devem procurar uma das 15 agências do trabalhador – de um total de 18 – que estão abertas durante a pandemia. Elas funcionam de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Também é possível buscar pelo aplicativo Sine Fácil – que, em virtude da pandemia de Covid-19, disponibiliza o serviço.

Confira aqui as vagas disponíveis.

Postagem: http://egnews.com.br

Fonte: Agência Brasilia

DF tem em 2020 menor taxa de homicídios de mulheres do país

Número de feminicídios também caiu, diferentemente da realidade de outros estados

AGÊNCIA BRASÍLIA* | EDIÇÃO: RENATA LU

Levantamento divulgado nesta quarta-feira (16) pelo Monitor da Violência – parceria do portal G1 com o Núcleo de Estudos da Violência da USP e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública – revela que o Distrito Federal possui o menor número de homicídios de mulheres no país. Os dados avaliados são referentes aos primeiros semestres de 2020 e de 2019. A taxa atingida foi de 0,6 a cada 100 mil mulheres. Em igual período, o Brasil teve aumento de 2% no número de mulheres assassinadas.

Os casos de feminicídios também subiram em todo território nacional. Onze estados contabilizaram mais vítimas de um ano para o outro. No DF o cenário foi de queda nos registros desse tipo de crime. “No mesmo período tivemos redução dos casos de feminicídio. Foram oito crimes neste ano, quase metade dos quinze registrados no primeiro semestre de 2019. O enfrentamento a todo tipo de violência contra a mulher é prioridade para o Governo do Distrito Federal, por meio da Secretaria de Segurança Pública (SSP). A queda dos crimes também revela que nossas ações, como campanhas de incentivo às denúncias e esforço concentrado para melhoria dos serviços, têm surtido efeito positivo”, destaca o secretário de Segurança Pública, delegado Anderson Torres.

Nos oito primeiros meses deste ano, a redução é ainda maior. Enquanto que de janeiro a agosto do ano passado 21 mulheres foram vítimas de homicídio, no mesmo período deste ano o número caiu para 14 – o que representa redução de 33%. Já a taxa de diminuição dos feminicídios foi ainda maior no mesmo período – 43% – saindo de 21 crimes ano passado para 12 este ano.

Campanhas

Como parte das diversas ações realizadas na prevenção e enfrentamento da violência contra a mulher, a SSP aderiu à campanha de âmbito nacional Agosto Lilás, mês em que a Lei Maria da Penha completou 14 anos de promulgação no país.

“A Lei Maria da Penha é um marco no combate à violência de gênero e determinante para o reconhecimento de todos os tipos de violência – seja ela física, psicológica, sexual, patrimonial ou moral – e também a responsabilização dos agressores”, completa Torres.

Em 2019, a SSP/DF lançou a campanha permanente de prevenção ao feminicídio – a #MetaaColher. Com o slogan “A melhor arma contra o feminicídio é a colher”, o movimento se pauta em estatísticas levantadas pela Câmara Técnica de Monitoramento de Homicídios e Feminicídios (CTMHF). O estudo direciona ações preventivas da segurança pública nessa temática. “O levantamento revela detalhes importantes das circunstâncias em que os feminicídios foram cometidos no DF. A atualização das informações é mensal. Desta forma, conseguimos mapear informações como motivação, idade de vítimas e agressores”, analisa o coordenador da CTMHF, delegado Marcelo Zago.

O nível de detalhamento é possível por conta do preenchimento de um documento com 127 questionamentos pela equipe da CTMHF, para cada crime, como ressalta o coordenador da Câmara. “Conseguimos informações necessárias para um estudo aprofundado e acompanhamento dos crimes. Os documentos não se restringem às ocorrências, pinçamos as principais informações dos casos, do início ao fim. Podemos, inclusive, acompanhar a investigação de um crime”.

Leia também

Webinário discute avanços no combate à violência contra a mulher

Capacitação de servidores para programa de proteção à mulher

Pró-Vítima volta a funcionar em horário integral

Regulamentado registro on-line de violência doméstica

Foto: Divulgação/Sejus

Todo apoio e proteção para a mulher vítima da violência doméstica

Violência contra a mulher

Em todo o país foram 119.546 registros de lesão corporal no contexto de violência doméstica no primeiro semestre deste ano. A queda em relação ao mesmo período do ano passado é de 11%, mas ainda são, em média, 664 mulheres agredidas por seus companheiros dentro de casa por dia. No DF, o número de ocorrências relacionadas à violência doméstica tiveram pequena alta, que pode estar relacionada ao aumento das denúncias. De janeiro a junho de 2019 foram contabilizadas 8.079. Em igual período deste ano, 7.639 registros.

Ao analisar o cenário dos primeiros oito meses deste ano com os de 2019, os registros de violência contra a mulher apresentaram redução de 4%. Foram 10.396 ocorrências entre janeiro e agosto de 2020 frente a 10.825 casos, em igual período do ano passado.

“No início do isolamento havia certo receio das autoridades policiais em relação à subnotificação desses crimes, pela dificuldade da denúncia diante do isolamento social, pois vítimas estariam por mais tempo com seus agressores. Mas as polícias se adaptaram ao período para atender a população”, avalia Torres.

O registro do crime passou a ser permitido por meio da Delegacia Eletrônica durante a pandemia. Também foi publicada a lei que obriga síndicos de prédios e condomínios a formalizar denúncias de violência doméstica. As denúncias por meio do telefone 197 e acionamentos pelo 190 em casos de emergência permaneceram funcionando de forma eficiente.

Atualmente, após o registro, a ocorrência é encaminhada para a área responsável pela apuração, que poderá entrar em contato – via telefone ou mesmo por WhatsApp, o que dependerá da gravidade da denúncia – para obter mais informações do crime. Em casos de indisponibilidade de acesso à internet, a vítima pode fazer o registro por meio do telefone 197, na opção 3.

Com a publicação da portaria interna, as ferramentas digitais foram adaptadas e até mesmo o Questionário de Avaliação de Risco está sendo implementado para ser preenchido diretamente na plataforma. “As informações serão analisadas pela Delegacia Eletrônica e pelas Deams I e II e não mais pelas delegacias próximas do endereço das vítimas”, esclarece a titular da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher II (Deam II), a delegada Adriana Romana.

De acordo com a delegada, o modelo de registro on-line é, além de tudo, uma forma de estimular a denúncia. “Esse formato pode encorajar mulheres vítimas de violência que têm vergonha ou não se sentem à vontade para realizar o registro em uma delegacia”.

A Lei Maria da Penha é um marco no combate à violência de gênero e determinante para o reconhecimento de todos os tipos de violência – seja ela física, psicológica, sexual, patrimonial ou moral – e também a responsabilização dos agressoresAnderson Torres, secretário de Segurança Pública

Atendimento especializado

O Distrito Federal conta com duas delegacias especializadas no atendimento à mulher: a Delegacia Especial de Atendimento à Mulher I (Deam I), que funciona na Asa Sul, e a Deam II, em Ceilândia. As delegacias funcionam 24 horas por dia. Além disso, todas as delegacias circunscricionais da Polícia Civil do DF (PCDF) contam com seções de atendimento à mulher.

A Polícia Militar do DF (PMDF) oferece policiamento especializado para atendimento às mulheres por meio do programa de Prevenção Orientada à Violência Doméstica (Provid). O trabalho ajuda a prevenir, inibir e interromper o ciclo da violência doméstica. Em 2020, o programa realizou 9.235 atendimentos. No último ano, o programa foi ampliado para 31 regiões administrativas do DF.

Pandemia

Desde o início da pandemia, o atendimento às mulheres em situação de violência foi uma prioridade do governo do Distrito Federal. Os atendimentos da Secretaria da Mulher não pararam. A Casa Abrigo continuou aberta 24 horas e as unidades do Centro Especializado de Atendimento à Mulher também permaneceram em funcionamento.

Além disso, foi lançada a campanha Mulher, você não está só!, pela SMDF. “Por meio dela, criamos protocolos de atendimento para mulheres em situação de violência nesse tempo de pandemia, estabelecendo serviços online e o teleatendimento, que foi algo inovador. A mulher que está em casa pode ter acesso, por meio do telefone, a um atendimento com um de nossos especialistas. Nosso temor era a subnotificação, por isso, colocamos à disposição esses novos canais pensando, justamente, em facilitar que as mulheres que estivessem dentro de suas casas com seus agressores pudessem pedir ajuda e tivessem a certeza de que elas não estão sozinhas”, destaca Ericka Filippelli, secretária da Mulher .

* Com informações da Secretaria de Segurança Pública

Postagem: http://egnews.com.br

Fonte: Agência Brasilia

Sequência de A Paixão de Cristo será “o maior filme da história”

Próximo longa protagonizado por Jim Caviezel vai focar nos fatos após a ressurreição de Cristo

Jim Caviezel voltará a interpretar Jesus na sequência de A Paixão de Cristo Foto: Reprodução

Mais de 15 anos após atuar em A Paixão de Cristo, o ator Jim Caviezel deve reprisar o papel de Jesus Cristo em breve. De acordo com entrevista dada ao portal Breitbart News, a sequência do elogiado filme dirigido por Mel Gibson é mais do que certa. Jim, inclusieve, já recebeu o terceiro rascunho do roteiro do longa.

– Mel Gibson acabou de me enviar o terceiro rascunho. Está chegando! Chama-se A Paixão de Cristo: Ressurreição. Vai ser o maior filme da história mundial.

Leia também1 Antonio Fagundes é dispensado da Globo após 44 anos
2 Assista ao clipe de Cassiane da canção Não Sou Mais Órfão
3 “Não reconheci minha mãe”, diz filho de Hebe sobre série de TV
4 Damares quer vetar o filme Cuties: “Não neste país, Netflix”
5 TV exibe filme sobre professora que morreu ao salvar alunos

Como diz o título, a sequência vai se concentrar nos fatos que sucederam a ressurreição do Filho de Deus. Ainda não há previsão do início das filmagens nem de quando o filme chega aos cinemas.

Jim Caviezel também poderá ser visto no filme Infidel, que chega aos cinemas americanos na próxima sexta-feira (18) e aborda o drama da igreja perseguida. Cristão, ele relatou ao Breitbart News como A Paixão de Cristo mexeu com sua fé.

– O que eu faço como ator é a minha habilidade que foi dada a mim por Deus. Não dei para mim, mas é algo em que tenho um grande alcance. Eu realmente senti que a fé era muito maior do que a indústria e Hollywood, maior do que o Partido Republicano ou Democrata ou qualquer coisa assim.

Postagem: http://egnews.com.br

Fonte: Pleno.News

Conheça o Kartodromo Brasilia Kart, um lugar agradável para visitar

A pandemia faz com que as pessoas, para fugirem do estresse diário do isolamento e distanciamento social necessário, procurem lugares para obedecer essas exigências e nesse sentido mudar seus hábitos. Diante dessa situação, conheci um local pelo qual nunca havia passado e nem imaginava que fosse ter um domingo tão gostoso e saudável.

Ao convite de comemoração do aniversário da amiga e funcionária Rayane, eu e minha esposa Angélica conhecemos o Kartodromo Brasilia Kart, seu gerente o multi campeão de kart indoor, José Dalla e seus proprietários, Jaime Coelho, Sandra e seus filhos, a pista fica localizada na DF 250 logo após o Itapoã. Fiquei impressionado, espaço bem agradável e familiar, e mesmo morando tão perto, não conhecia. Por fim tivemos um domingo diferente e bem agradável.

Vejam um pouco desse local:

O Kartodromo Brasilia Kart, foi inaugurado a cerca de 3 anos e conta com o comparecimento de muitos pilotos de altíssimo nível que andam ali. Como é o caso do Hexa Campeão Brasileiro de kart indoor, Zé Alexandre, Ricardo Humberto, Edmundo Paiva, Cláudio Marques e o multi campeão de kart indoor, José Dalla.

O Brasilia Kart faz 2 eventos mensais de corrida de kart indoor. Um é o campeonato de pilotos, realizado toda segunda feira, onde ao final do ano, os 15 melhores classificados disputam uma super final, que é realizada no fim do ano.

Outro evento que tem é o campeonato de Mini Endurance, (corridas de longa duração) 45 minutos, onde o piloto ou equipe, precisam além de serem rápidos, precisam ter uma boa estratégia.

Em sua estrutura o Brasilia Kart tem 2 frotas de karts, uma de 7 HP para “iniciantes” e os de 15 HP para os mais experientes.

Os campeonatos são realizados com os karts de 15 HP de potencia e chegam a uma velocidade de aproximadamente 90 km por hora ao final da reta.

Durante o dia, o Kartodromo Internacional Brasilia Kart, disponibiliza a sua pista para treinos de kart profissional, motos e ainda conta também, com a Alfuna Eventos como encontro de carros antigos, Hit Lap (treino com o seu próprio carro na pista) e ainda os treinos da categoria de Drift.

Fonte: http://egnews.com.br

Aos 53 anos, Claudia Raia quer ser mãe novamente: “Nosso casamento merece”

Atriz revelou ter congelado óvulos para ter um filho com o marido Jarbas Homem de Mello. Ela já é mãe de Enzo e Sophia

Claudia Raia e Jarbas Homem de Mello

REPRODUÇÃO

Aos 53 anos, a atriz Claudia Raia revelou que ainda pleneja ter filhos e até congelou óvulos para isso. Em entrevista à coluna de Patrícia Kogut, no jornal O Globo, ela diz que ainda não sabe se ela ou outra pessoa irá gerar o bebê, mas que o plano é uma “vontade genuína” dela e de seu marido, o ator Jarbas Homem de Mello.

“Jarbas não tem filho. É uma vontade que ele tem, assim como eu. Nosso casamento merece esse fruto. Acho tão legal com 53 anos poder realizar. É bacana para a gente”, contou a atriz. “Acho que vai encorajar muitas mulheres também”, emendou.

Na mesma entrevista em que falou sobre os planos de ter o terceiro filho, ela falou sobre os 35 anos de carreira. A trajetória será comemorada com Raia, sua fotobiografia com curadoria do cenógrafo Gringo Cardia e com uma biografia escrita por Rosana Hermann, ainda sem título definido.

Vasco x Athletico-PR: onde assistir, horário, escalações

Cruz-Maltino vem de derrota em clássico contra o Fluminense, mas faz campanha sólida na competição

Com seis vitórias e apenas uma derrota em sete rodadas, o Vasco vem fazendo campanha surpreendente sob o comando do técnico Ramon Menezes, ocupando, no momento, a quarta colocação.

Confira mais detalhes sobre a partida abaixo:

Ficha técnica:
Escalações (prováveis):
Vasco: Fernando Miguel, Pikachu, Miranda, Castan (Marcelo Alves) e Neto Borges; Andrey, Fellipe Bastos e Carlinhos (Catatau); Benítez, Talles e Cano. Técnico: Ramon Menezes
Athletico-PR: Santos; Khellven, Pedro Henrique (Thiago Heleno), Lucas Halter e Abner Vinicius; Richard (Christian), Erick e Cittadini; Pedrinho, Geuvânio (Nikão) e Bissoli. Técnico: Eduardo Barros
Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Data: domingo (6/9/2020)
Horário: 18h
Árbitro: Raphael Claus (SP)
Transmissão: serviços de tempo real

No DF, 562 mulheres buscaram atendimento de saúde após sofrer violência

Números contemplam atendimentos realizados no Paranoá, Itapoã, São Sebastião e Jardim Botânico, entre janeiro e julho deste ano

HUGO BARRETO/METRÓPOLES

Levantamento da Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF) aponta que 562 mulheres já foram atendidas na rede pública após serem vítimas de violência doméstica e sexual em 2020.

O número contempla apenas os atendimentos realizados no Paranoá, Itapoã, São Sebastião e Jardim Botânico, entre janeiro e julho deste ano.

Ainda conforme o balanço, triplicaram os atendimentos a vítimas de violência doméstica e sexual em plena pandemia do novo coronavírus no comparativo com os dados de 2018 inteiro, quando houve 429 registros do tipo. No ano passado, foram 1.318 atendimentos realizados nessas regiões.

A Saúde do DF disponibiliza unidades de saúde especializadas no atendimento das vítimas de violência. São os chamados Centros de Especialidades para a Atenção às Pessoas em Situação de Violência Sexual, Familiar e Doméstica (Cepavs).

Fonte: Metropoles